• warning: include(../orelha/yp.php): failed to open stream: No such file or directory in /var/www/data/drupal-6-lts/includes/common.inc(1773) : eval()'d code on line 4.
  • warning: include(): Failed opening '../orelha/yp.php' for inclusion (include_path='.:/usr/share/php') in /var/www/data/drupal-6-lts/includes/common.inc(1773) : eval()'d code on line 4.

Rádio e TV Digital: estamos indo pro fuuuundo do poço!

[radiolivre] Rádio e TV Digital: estamos indo pro fuuuundo do poço! (paulo lara) - [Lista de discussão do radiolivre.org]

Seguinte, é um caso bem sério de decisões tomadas as escuras e detrimento das possibilidades mais bacanas pra tv digital, vale olhar

Pajé

--------------------------- Mensagem Original ----------------------------
Assunto: Rádio e TV Digital: estamos indo pro fuuuundo do poço!

1) Na semana passada, saiu uma noticia nos jornais sobre o Helio Costa estar querendo liberar importação de equipamentos de TV Digital no começo do ano que vem. Essa liberação seria por tempo limitado (ver a noticia abaixo).

Essa informação foi confirmada pelo Gindre, na última reunião do Comite Consultivo do SBTVD, ontem 19/9.

2) Cerca de um mês atrás, o MC liberou a realização de testes com o sistema de rádio digital norte-americano IBOC. Como voces sabem, o IBOC detona o espectro (gera bastante ruído para as emissoras de baixa potencia) e promove uma apropriação indébita do espectro - as emissoras de
FM, que tem 200 kHz de banda, ganham a banda lateral ficando com 400 kHz para a transição e, após a transição, NÃO devolvem o espectro adicional.

3) Na semana passada, fiquei sabendo que as grandes emissoras de FM estão numa corrida para comprar e instalar sistemas IBOC - ou seja, não vai ser um mero trial, mas sim uma implantação de fato, e maciça - assim, o IBOC viraria um padrão de fato.

3) Juntando as duas coisas, o que eu concluo é que infelizmente o HC está com tática "trator": fazer a coisa virar fato, porque aí fica difícil qualquer contestação.

No caso da TV Digital, existem dois absurdos: (1) joga no lixo todo o esforço de desenvolvimento realizado pelas universidades e, pior: (2) ao promover a isenção de Imposto de Importação numa estreita janela de tempo, HC promove o favorecimento das grandes emissoras! É a exclusão descarada!!

Eu só vejo um jeito da gente frear essa porra-louquice: é articular uma rede de resistência. Temos que conversar com os deputados que sejam simpaticos à causa da democratização das comunicações e os (ainda existem?) nacionalistas... Pra ajudar, tem essa tal de CPI que não acaba mais...

Bom, pessoal, é só pra cutucar vocês.

---

Imposto zero de importação para TV digital

As empresas que se dispuserem a implantar o sistema de TV digital no Brasil vão poder importar produtos eletrônicos sem qualquer imposto. A informação foi dada hoje, 15, em São Paulo, pelo ministro Hélio Costa, das Comunicações, durante reunião com representantes das emissoras de TV aberta.

O prazo para tais importações será, segundo Costa, de seis a oito meses. "Depois disso, ou teremos produtos nacionais ou as empresas terão que pagar o imposto", disse o ministro. As pesquisas técnicas sobre a implantação do sistema de TV digital no Brasil estão sendo conduzidas pelo CPqD e estarão concluídas até dezembro deste ano.

Quanto ao padrão a ser escolhido (europeu, japonês ou americano), a data marcada pelo ministro é 10 de fevereiro de 2006. "Quem vai decidir isso (o padrão) são as empresas de comunicação", frisou. "O governo vai colaborar". Costa afirmou que o ministro da Fazenda, Antônio Palocci, já concordou com a eliminação do imposto nos primeiros meses. "Também já falei com o presidente Lula e ele está de acordo." Segundo o ministro, os primeiros projetos-piloto de TV digital no Brasil já poderão ser implantados a partir de março de 2006.

TeleSíntese - João Luiz Marcondes - 15/09/2005