Notícias

Notícias sobre tecnologia, telecomunicações, rádiodifusão, etc.
Tags:

Oi pessoal, eu sou militante do movimento de comunicação popular desde 2001. Iniciei atuando na Rádio Restinga Fm, que foi fechada em 2004. Hoje estamos organizando a Rádio Quilombo FM, um resquício dessa mobilização de comunicação no bairro, e nessa rádio estou fazendo, juntamento com o André Saroba, esse programa que estou divulgando.

O programa Ronco de Bugio desse sábado, dia 24 de novembro, foi dedicado ao Seminário Cavalo Louco, organizado na Terreira da Tribo, que aconteceu entre os dias 19 e 24 de novembro. O nosso repórter popular, André de Jesus, esteve presente no seminário e entrevistou várias pessoas, entre eles: Clarice Falcão, professora de História do Pensamento Político da Escola de Teatro Popular da Terreira da Tribo. Além disso, André conversou com o filósofo André Queiróz, que nos falou sobre Artaud, e com Narciso Telles que falou sobre "A pedagogia libertária de Yuyachkani". Acesso o link abaixo para fazer o download do programa

Tags:

1 DE NOVEMBRO DE 2007 - 17h22

Rádios comunitárias não interferem em aeroportos

As rádios comunitárias têm encontrado uma série de obstáculos para seu
funcionamento. Além do volume de exigências para a legalização, a
morosidade do governo federal na concessão de outorgas e a falta de
recursos, as rádios de baixa freqüência enfrentam uma campanha
sistemática de desmoralização e descrédito, encabeçada pelas grandes
empresas de radiocomunicação.

Por Candice Cresqui (MídiaCom Democracia)

Entre os argumentos apontados pelas rádios comerciais - principalmente
agora, aproveitando-se do momento de crise no setor aeronáutico do
país - está o de que as rádios comunitárias interferem fortemente nos
sistemas de comunicação e rádio-navegação aérea, podendo até mesmo
provocar queda de aeronaves.

Sancionada pelo então presidente da República Fernando Henrique

Ouça rádio livre

Ouça rádio livre!

Tags:

No último dia 09 de outubro, a polícia do Distrito Federal, sem nenhum respaldo legal, invadiu e despejou a Ocupação Casa das Pombas e seqüestrou dez pessoas que estavam no local. Há cerca de um mês o prédio estava sendo
recuperado e utilizado para a realização de atividades culturais, políticas e sociais. Esse espaço pertence juridicamente ao Banco Itaú - o segundo maior banco privado do país - e se encontrava abandonado há mais
de 10 anos.

No dia anterior, policiais haviam entrado no prédio em busca de provas que justificassem o despejo imediato. Na tentativa de caracterizar um flagrante, a policia tentou enquadrar as pessoas em diversos crimes: tráfico, roubo de água e eletricidade, esbulho possessório, não importava o que fosse. Por fim, chegaram à acusação de formação de quadrilha, associação para o crime.

Tags:

Enviado por Da redação do Observatório do Direito à Comunicação
16-Aug-2007
Atualizado em 31-Aug-2007
Apenas 3 emissoras operando na capital têm outorgas válidas, de acordo com o banco de dados da Anatel;
funcionamento das demais é garantido pela confusa regulamentação e a morosidade dos processos de renovação.
Das 39 emissoras de rádio em Freqüência Modulada (FM) transmitindo para São Paulo e registradas como licenciadas
pelo Ministério das Comunicações, apenas 3 têm outorgas em dia, ou seja, dentro do prazo de validade (confira aqui a
lista completa). Os dados foram obtidos através de mapeamento do dial FM na capital paulista e o cruzamento destes
dados com as informações disponíveis nos Sistemas Interativos da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Tags:

Enviado por Da redação do Observatório do Direito à Comunicação
16-Aug-2007
Atualizado em 31-Aug-2007
Mais da metade do espectro ocupado “oficialmente” na capital paulista está consignado para empresas de outros municípios, alguns distantes mais de 90 km de São Paulo.
Uma consulta aos Sistemas Interativos da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) indica que o céu de São Paulo não é, assim, tão congestionado. Ao acessar qualquer um dos bancos de dados referentes aos serviços de radiodifusão em FM e escolher como localidade de consulta a capital paulista, a lista produzida indica que são apenas 17 as entidades outorgadas a operar no município.
No entanto, um passeio rápido pelo dial e a busca mais refinada nos sistemas de acesso aos bancos de dados mantidos pela Anatel e Ministério das Comunicações mostra que 39 rádios têm licença para transmitir em São Paulo.

Tags:

Enviado por Da redação do Observatório do Direito à Comunicação
16-Aug-2007
Atualizado em 31-Aug-2007
Pesquisa revela que a ocupação do espectro reservado às FMs na capital paulista é flagrantemente irregular, com mais de
90% das outorgas vencidas, concessões originárias de outros municípios e grupos que burlam legislação para controlar
diversas emissoras de rádio.Assim na terra, como no céu, congestionamentos são uma marca de São Paulo, a maior metrópole brasileira.

Tags:

Enviado por Da redação do Observatório do Direito à Comunicação
16-Aug-2007
Atualizado em 31-Aug-2007
Grupos Bandeirantes e CBS usam de artimanhas jurídicas para burlar os princípios da legislação; 50% das permissões de
'educativas' não cumprem sua função social.
As irregularidades das rádios FMs em São Paulo não se restringem às validades das outorgas e às localidades das
antenas. A direção e a propriedade das empresas também desrespeitam os princípios constantes da legislação.
O Código Brasileiro de Telecomunicações (Lei 4.117/62) prevê que a mesma pessoa não poderá participar da
administração ou da gerência de mais de uma concessionária, permissionária ou autorizada do mesmo tipo de serviço
de radiodifusão, na mesma localidade.

Tags:

El encuentro convocado por pueblos indígenas del norte, el CNI y el EZLN se realiza en 5 sedes:

Oaxaca, Oaxaca, 4 y 5 de octubre de 2007

San Pedro Atlapulco, Estado de México, 6 y 7 de octubre de 2007

Nurío, Territorio Purépécha, Michoacán, 7 y 8 de octubre de 2007

Rancho El Peñasco, Territorio de la Nación Tohono Od'ham, Magdalena de Kino, Sonora, 8 y 9 de octubre del 2007

Vicam, Territorio de la Tribu Yaqui, Sonora, 11, 12, 14 y 14 de octubre del 2007

transmisión en vivo del Encuentro desde Oaxaca, 4 y 5 de octubre

Página web del Encuentro de Pueblos Indígenas de América
http://www.encuentroindigena.org/

Tags:

ALERTA ALERTA ALERTA!

A Polícia Federal, em São Paulo, através da Delegacia de Repressão a Crimes Fazendários, deflagrou, nesta terça-feira (18), a chamada Operação Interferência II, que pretende cumprir mandados de busca e apreensão e encerrar as atividades de diversas rádios que operam sem a autorização da Anatel.

Os mandados estão sendo cumpridos na Grande São Paulo e ABC, e visam, além da desativação de rádios ilegais, a conscientização da população de que o funcionamento irregular das chamadas 'Rádios Comunitárias' pode prejudicar a recepção do sinal de Rádios e TVs autorizadas e causar interferência no transporte aéreo e terrestre.

Segundo informou a assessoria de imprensa da Polícia Federal, os transmissores apreendidos pela ação policial serão submetidos a uma perícia para aferir a respectiva potência, enquanto os demais equipamentos ficarão, desde já, à disposição do Poder Judiciário.

Os proprietários das rádios clandestinas respondem pelo crime do art. 70 da Lei n. 4.117/62 (indevida atividade de radiodifusão), e podem ainda caracterizar crime previsto no art. 261 do Código Penal (atentado contra a segurança de transporte aéreo).

Syndicate content