Textos e Análises

Análises ou sínteses.

Abaixo transcrevo mensagem enviada por Gustavo Gindre, na lista radiolivre@freelists.org. Iniciamos aqui uma discussão sobre diferents concepções de como gerir uma rádio e como definir (produzir) sua programação.

a mensagem:

Na verdade, estas duas coisas materializam o projeto da rádio. Pra que
ela existe?

Gestão significa desde como ela se sustenta (anúncios locais, sócios,
contribuição da comunidade?), passando por como ela organiza o trabalho
interno (mesmo que seja voluntário, suponho que precise de organização)
até a forma de governança (conselho eleito, representantes por

A municipalização das concessões das Rádios Comunitárias na Cidade de João Pessoa, na Paraíba, tem sido discutida, em caráter de união entre as Rádios interessadas em fazer comunicação verdadeiramente comunitária, há cerca de 10 meses, com a formação do Fórum Metropolitano de Comunicação Comunitária que tem, em sua maioria, representantes de rádios comunitárias mas que não só visa a defesa das Rádios Comunitárias, e sim de todas as formas de comunicação comunitária : jornal de Bairro, Fanzines, carros de som ( bocas de ferro ), literatura de cordel, entre outros.

No dia 1º de dezembro, aconteceu em Brasília, a Audiência Pública - Radiodifusão Comunitária: Entre nessa onda. O evento foi pautado pelas entidades que se afirmam representantes do movimento de rádios comunitárias e realizado pelas Comissões de Legislação Participativa e de Direitos Humanos e Minorias, da Câmara dos Deputados. Representantes do Governo e do Movimento de Rádios Comunitárias discutiram, durante todo o dia, temas como: a revisão da legislação punitiva e dos requisitos para a concessão de outorga, a separação legal entre Telecomunicação e Radiodifusão, a Digitalização de Rádio e TV, a Municipalização da legislação e a anistia para pessoas criminalizadas, entre outros.

Depois de perder a crença no diálogo com o governo, a Abraço, que reúne parte das rádios comunitárias do Brasil, deve ir às ruas para reivindicar mudanças na legislação e protestar contra a repressão da Anatel. Videoconferência do movimento cobrou abertura de relatório do executivo sobre o tema.

Nossos representantes no Congresso Nacional não se cansam de nos surpreender. Passou despercebido da grande mídia a apresentação, pelo deputado Alceste Almeida (PMDB-RR), em co-autoria com outros 189 senhores deputados, da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 453/2005, no plenário da Câmara dos Deputados, no dia 30 de agosto último. [Veja aqui a íntegra da proposta.]

A PEC 453/2005 pretende acrescentar ao Artigo 222 um 6º parágrafo com o seguinte texto:

"Não se aplica a este artigo o disposto no artigo 54 da Constituição Federal".

Embora nem o texto da PEC nem a sua Justificativa façam qualquer referência explícita à propriedade de empresas jornalísticas ou de radiodifusão, trata-se, na verdade, de permitir que deputados e senadores sejam proprietários de jornais, emissoras de rádio e de televisão.

Bem amigos, voces que são amantes do Rádio e que precisam de ajuda em programas de Automação de Rádio, Técnica de Gravação, Tutorias para Vinhetas,Comerciais,e muitos outros é só entrar em contato: 83 3271-6494 no horário das 19:00 às 00:30 ou 83 9926-2505 o dia todo. Ou através dos e-mails jlpro90@yahoo.com.br , jlpro907@hotmail.com , lex.lutor@uol.com.br.

Fico feliz em poder ajudar a todos os amantes do Rádio.

Josinaldo
Técnico de Informática
Rádio Guarabira FM
Guarabira - Paraiba

Na segunda-feira (26/09), o Brasil iniciou os testes para entrar na era do rádio digital. Entenda como esta novidade transformará o rádio em um aparelho multimídia.O que é rádio Digital? A tecnologia de rádio digital permite a compressão dos sinais de voz, abrindo o canal de rádio para a transmissão de dados como textos e imagens. (Veja o gráfico)Quem possui o aparelho de rádio digital pode ouvir rádio AM sem interferências, e FM com som de CD.De imediato, os testes de rádio digital melhoram a qualidade na transmissão de rádio via internet.MultimídiaAlém da qualidade de som, o rádio digital permite a transmissão de textos exibidos em um visor do aparelho, além de imagens em baixa resolução e velocidade.

Syndicate content